NOTÍCIAS

Nome do Ministro Ruy Rosado de Aguiar Júnior é eternizado na Escola Superior da Magistratura

Nome do Ministro Ruy Rosado de Aguiar Júnior é eternizado na Escola Superior da MagistraturaTribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, AJURIS e Escola da Magistratura homenagearam o Magistrado falecido em agosto A cerimônia de denominação do Auditório da Escola Superior da Magistratura de "Ministro Ruy Rosado de Aguiar Júnior", em homenagem póstuma ao ex-membro do STJ, contou com a presença do Presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, Desembargador Carlos Eduardo Zietlow Duro, e da Corregedora-Geral da Justiça, Desembargadora Denise Oliveira Cezar, pela Administração do TJRS, e de grande número de Desembargadores e Juízes de Direito. A família do homenageado foi representada pela viúva, Dona Diva, pelo filho, Ruy Rosado de Aguiar Neto, Juiz de Direito; pelas filhas Alice de Aguiar Diehl e Vera Lúcia Andrade de Aguiar; e pela nora, Daniele. Além do Presidente do TJ, Desembargador Carlos Duro, discursaram sobre o ex-Ministro Ruy Rosado a Presidente da AJURIS, Desembargadora Vera Deboni, o Diretor da ESM, Desembargador Jayme Weingartner Neto, e, representando a família, o Juiz Ruy Rosado de Aguiar Neto. Depois, foi descerrada uma placa com uma frase do homenageado: "E amanhã, quando um filho e um neto lhes perguntar o que foram na vida, honrem-se de dizer-lhe: eu fui juiz do Rio Grande". Na sua manifestação aos presentes, o Presidente do TJ disse que, por tudo que Ruy Rosado representou, como Magistrado, Professor, Doutrinador e Ministro, nada mais justa a eternização do seu nome em uma dependência da Escola, da qual ele foi Diretor no biênio 1986/1987. O Desembargador destacou o desprendimento do Ministro Ruy para auxiliar o Judiciário gaúcho, mesmo quando estava em Brasília. A Presidente da AJURIS lembrou que Ruy Rosado começou sua carreira no Ministério Público . A Desembargadora Vera recordou que os candidatos à Magistratura estudavam sobre aplicação de penas em livro do mestre Ruy Rosado.Familiares do Ministro, Des. Duro, Procurador Dallazen e Defensora Larissa diante da placa com frase do homenageado sobre orgulho de ser juiz do RSO Diretor da ESM, por sua vez, mencionou que a homenagem foi proposta no Órgão Especial do TJ pelo Desembargador Francisco José Moesch, também presente ao ato. O Desembargador Weingartner Neto acrescentou que Ruy Rosado foi exemplar como cientista, como humanista e como realizador com capacidade de vislumbrar o futuro. O filho do homenageado disse, em nome da família, que a homenagem constitui-se em honraria da maior distinção a quem foi Diretor e Professor  da Escola. Ruy Rosado de Aguiar Neto frisou que seu pai buscava estimular os alunos, os jovens Magistrados e as pessoas em geral a investirem em suas carreiras e projetos profissionais.A viúva, Dona Diva, ladeada pelas filhas Alice e Vera Lúcia, o filho, o Juiz de DireitoRuy Rosado de Aguiar Neto, Juiz de Direito, e sua esposa, DanieleCompareceram à homenagem os ex-Presidentes do TJ Desembargadores Cacildo de Andrade Xavier e Marcelo Bandeira Pereira; os Desembargadores Alberto Delgado Neto, Eduardo Kraemer , Cláudio Luís Martinewski, Eugênio Facchini Neto, Ricardo Pippi Schmidt, Diógenes Vicente Hassan Ribeiro, Julio Cesar Finger, Iris Helena Medeiros Nogueira, Newton Luís Medeiros Fabricio, Ricardo Torres Hermann, Carlos Eduardo Richinitti; Eladio Lecey, Ingo Wolfgang Sarlet, Claudio Caldeira Antunes, Luiz Fernando Koch, Henrique Osvaldo Poeta Roenick, Marco Aurélio dos Santos Caminha, Balduino Manica; o Diretor do Foro da Comarca de Porto Alegre, Juiz de Direito, Amadeo Henrique Ramella Butelli; o Vice-Diretor da Escola, Juiz de Direito Roberto Ludwig; os Vice-Presidentes da AJURIS Orlando Faccini Neto e Patricia Antunes Laydner; as Juízas- Corregedoras Rosana Broglio Garbin, Clarissa Costa de Lima e Geneci Ribeiro de Campos; o Juiz-Corregedor André Luís de Aguiar Tesheiner; os Juízes de Direito Gilberto Schäfer e Leandro Figueira Martins; Juízas de Direito Laura de Borba Maciel Flech, Maria Cláudia Mércio Cachapuz e Jane Vidal, entre outras autoridades e Magistrados.EXPEDIENTETexto: Carlos Alberto Machado de SouzaAssessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arendimprensa@tjrs.jus.br Publicação em Fri Nov 29 18:30:00 BRT 2019 Esta notícia foi acessada: 7 vezes.
29/11/2019 (00:00)

Contate-nos

Cabral e Zottis Advogados

Avenida Otto Niemeyer  1741  SALA 10
-  Tristeza
 -  PORTO ALEGRE / RS
-  CEP: 91910-001
+55 (51) 32660297+55 (51) 992220191+55 (51) 981811340
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.